quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Grávida e indecisa

Gente, não postei no blog ontem por falta de tempo. Saí para olhar coisas para o quarto de Malu.

Eu sou muito indecisa, ou melhor, extremamente indecisa - para tudo na vida. Então antes de comprar algo, eu vou à loja, olho, pego, sinto e vou embora. Mesmo que eu me apaixone pelo objeto e o mesmo esteja com um ótimo preço. Em casa eu reflito sobre o objeto, penso, imagino como ele ficaria no local destinado e vou em outras lojas ver se acho um melhor (ou mais bonito). Se não acho, volto À primeira loja, examino tudo de novo, penso e finalmente compro.

Com as coisinhas de Malu não tem sido diferente, pesquiso muito antes de comprar, para não me arrepender depois.

O que está me consumindo no momento é a escolha da sacolinha de bebê, ou baby bag e do papel de parede. São tantos modelos, cores, formas, materiais, texturas que eu fico completamente perdida. Então ontem, aproveitei a folga do maridão para dar uma olhadinha nesses itens. Saímos da loja decididos, porém a vendedora não pode efetivar a venda pois precisaria entrar em contato com o representante (do papel de parede) e blá, blá, blá.

Às vezes me queixo, acho que 9 meses é muito pouco tempo para preparar as coisas, mas no fundo no fundo, sei que o atraso nos preparativos é fruto da minha indecisão.

Ultimamente tenho tido até insônia. Levanto de madrugada para fazer xixi e não consigo mais dormir pensando nas coisas que ainda faltam e no tempo que ainda me resta - pouco mais de dois meses.

Beijos

Comentários dos comentários

1. Clau - Que coincidência, minha mãe também acha que Malu é menino. Parece que ela não confia muito nas ultra-sonografias, rs. Ai amiga, eu fico assim meio impressionada porque conheço dois casos em que as mães esperavam um sexo e no parto tiveram a surpresa. Depois do quartinho todo pronto, enxoval comprado, nome decidido... tenho medo que aconteça o mesmo comigo, rs.

2. Isa - ainda não tive muito tempo de navegar no site. Quanto À numerologia... não acredito nessas coisas. Mas vou fuçar todo o site. Valeu!

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Primeiro sonho com meu bebê.


Muitas pessoas (muitas mesmo) me perguntam se eu tenho sonhado com Malu, como é a carinha dela no sonho etc. Algumas mães, me contam que durante a gravidez sonharam com seus bebês e quando eles nasceram eram bem parecidos com os bebês dos sonhos.

Eu nunca havia com Malu, na verdade eu nunca sonhei, mas penso muito nela, e nos meus pensamentos ela tem sempre o mesmo rostinho. Mas o que mais me chama atenção nos meus pensamentos é o olhar dela. Às vezes parece que já a conheço e que esse olhar que tanto penso é realmente o olhar dela.

Essa noite eu tive o primeiro sonho com meu bebê, mas para minha surpresa, o bebê do sonho era um menino, um menino lindo, mas não era Malu. Era o meu bebê. Todos o paparicavam, minha mãe ficava toda boba e eu também.

Não se todos os sonhos querem dizer alguma coisa (Isadora pode me ajudar nisso), mas eu fiquei e ainda estou meio intrigada. Não para de pensar no menininho do sonho. Mas não fico feliz quando penso, fico preocupada, sei lá.

Será que a médica viu o sexo do meu bebê errado? Será que eu estou esperando um menino? Ou será que foi só um sonho?

Nada contra os meninos. Se soubesse que estava grávida de um garotinho ficaria tão feliz quanto estou sabendo que estou grávida de uma menininha (eu acho), o problema é que Malu já é uma realidade tão presente na minha vida, que se eu descobrisse hoje que na verdade espero um menino, não sei qual seria minha reação, mas acho que ficaria triste.

Já me sinto mãe de menina, já penso no meu futuro com uma filhinha do meu lado, penso nas coisas que faremos juntas, nas conversas que teremos...ai meu Deus.

Será?

beijos

Mudando de assunto

1. O calor está insuportável, eu nunca senti tanto calor em toda a minha vida. Vivo com o ventilador ligado. Gente eu não estou aguentando. passando mal, aff.

2. Ontem o gesseiro colocou o roda teto no quartinho dela, ficou lindo.


Comentários dos comentários

1. Priscila - você ainda é jovem, poderia fazer faculdade de medicina e se especializar em obstetrícia. Sinto que vc está realmente muito envolvida com o mundo das grávidas e recém nascidos. Adorei a 'preferencial dos preferenciais', pena que esse argumento não cola, ninguém aceitaria....

2. Juh - O calor realmente está muito forte e infelizmente não tenho ninguém para me acompanhar nas minhas andanças por aqui. Saio sempre só, exceto fins de semana, quando só saio com o maridão.

3. Tassyo - Ô primo, vc falou tudo: preciso ficar quietinha, parar de subir, descer etc. Não sei se consigo, mas juro que vou tentar.

4. Monalisa - Que bom que vc gostou da carinha nova do blog, também adorei. Olhe, além do calor, o pedreiro, gesseiro etc, fazem muita sujeira e tenho que ficar limpando tudo todos os dias, acabo ficando bem cansada... Mas agora estou mais alerta e mais cuidadosa também.

5.Clau -Que susto hein? sozinha em casa e no chuveiro? Rui acha que no meu caso foi tudo junto: fome, calor, cansaço, muito tempo em pé, estresse, aff! De repente foi Malu também, tentando me desligar, rs.

6. Aline -Lembro bem que eu tomava over doses de remédios para cólicas e um dia passei bem mal. Rui tomou um sustão sim. Mudando de assunto... também assisti uma série que teve um episódio semelhante ao que vc relatou. A série era Nip Tuck e era sobre cirurgias plásticas etc. Devo confessar que sinto vontade de tocar nesses temas mais picantes, porém, morro de vergonha, porque de vez em quando minha mãe lê o blog, rs rs. Se um dia eu tomar coragem, posto, viu?

7. Vívian - Para você que está esperando gêmeos, tudo é mais intenso. Os bebês "sugam" mais de você, portanto seus cuidados devem ser redobrados e continue evitando ficar sozinha.

9. Isa - Você viu Isa, quanto comentários? Todo mundo se preocupa comigo. Que lindo! Acho que comentei com Rita hoje e ela reclamou comigo mesmo. Ah! Já tenho esse site no meus favoritos, mas ainda não o explorei muito não...

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Primeiro desmaio


Essa foi de longe a pior sensação que tive em toda a gravidez. Sempre tenho um mal estar rápido, uma leve tontura e queda de pressão. Mas em questão de poucos minutos já estou totalmente recuperada.

Ontem foi diferente. Fui ao supermercardo comprar umas coisinhas para o almoço, enquanto Rui ficava em casa dando assistência oa pedreiro. Para minha surpresa estava lotado e eu acabei ficando muito tempo em pé na fila (preferencial). Quando cheguei em casa, fui providenciar o almoço. Fiquei mais um tempão em pé e quando o almoço estava quase pronto, senti uma tontura absurda. Gritei por Rui e ele imediatamente veio em meu socorro. Pedi para ele me segurar pois estava muito tonta, depois disso não me lembro de nada.

Rui disse que eu desfaleci, desmaiei mesmo (mas ele me segurou, claro), ele ficou me chamando mas eu não me lembro de nada. De repente eu 'acordei', ainda tonta e fui para a cama. Não quis ligar a médica, só fiquei deitada esperando o mal estar passar. Rui pensou em me dar um pouco de sal, mas disse a ele que a comida que estava preparando era salgada e estava sempre provando. Ele achou que era fome, então comi uma banana. Mais de meia hora depois, melhorei.

"Tonturas e Desmaios: podem ocorrer porque na gravidez pois a região onde está o útero tem necessidade de receber muito sangue, diminuindo a quantidade de sangue que vai para o cérebro, causando assim, tonturas e até desmaios. Para evitar que isto ocorra, evite ficar em pé por muito tempo, nem se levantar rápido demais de uma cadeira ou cama. Tenha cuidado ao sair de um banho quente, não use roupas pesadas no calor. Se você sentir fraqueza, deite-se sem travesseiros e levante um pouco as pernas (coloque travesseiros embaixo delas). Alimentação muito espaçada causa queda de açúcar no sangue, provocando também tonturas e desmaios. Coma menos e várias vezes ao dia. Carregue sempre um saquinho de mel (vendido em bares, padarias) e tome-o nestas situações".



beijos


Mudando de assunto


1. Gente, desde que coloquei o contador de visitas, o blog já teve 5.000 acessos. Que coisa boa! Obrigada pela visita de todos e voltem sempre!!!


Comentários dos comentários


1. Clau - Pois é amiga, além do tempo que parece estar contra nós, tem o fator preço. É tudo muito caro mesmo. Mas todos me dizem que nós mamães, sempre achamos que não vai dar tempo, mas que no final dá tudo certo. Então, fique tranquila (como eu não estou), que o final é sempre feliz.

2. Dani - Pois é menina, também não gosto dessa idéia que as meninas devem vestir tudo rosa. Como você sabe, eu sou romântica e adoro essa cor. Mas não pretendo transformar Maluzinha numa Hello Kitty. Embora seja difícil, viu? Mesmo fugindo um pouco, serei obrigada a comprar muitas roupinhas cor de rosa, por falta de opção mesmo.

3. Ameixa & Cereja - seguindo seu conselho, já estou tirando fotos de cada processo da reforma do quarto, quando ficar pronto vou fazer o 'antes e depois'.

4. Aline - Quero mesmo que Malu seja bem fashion sabia? Nos primeiros dias de vida, ela será um bebê bem tradicional, mas assim que ela endurecer um pouquinho... me segure, rs rs.

5. Isa - Estou adorando a idéia de não ter aula de projeto por esses dias, tudo que preciso é de descanso, de todas as disciplinas que pequei, a única que não me animou foi Projeto, pensei até em trancá-la. Aff.

6.Tassyo - Será que daqui pra frente vai ser sempre assim? Eu estava achando que daqui pra frente iria melhorar... snif, snif.

sábado, 24 de outubro de 2009

Comprinhas para Malu


Finalmente começamos a montar o enxovalzinho de Malu. Encomendamos o Kit berço, mosquiteiro etc. O quartinho dela não terá um tema específico. O kit berço, por exemplo, é bem neutro, mas as bonequinhas que enfeitarão o quarto serão todas bailarinas. Também usarei listras, flores. Tudo muito clean e sem excessos. Acho que o quartinho dela terá um ar moderninho, porém delicado e infantil.

Compramos também algumas roupinhas, cada uma mais linda que a outra. Embora a decoração do quarto seja rosa (bem clarinho, o mais clarinho de todos), estou tentando comprar roupinhas de cores variadas, estampadas etc.

Devo confessar que é muito difícil fugir do rosa, pois 80% das peças das lojas são nessa cor. Adoro rosa, mas acho que tudo deve ser com moderação e não desejo que Maluzinha seja dessas menininhas que só se vestem de rosa, só usa sapatos cor de rosa, só têm brinquedos rosa, aff. Para fugir da febre cor de rosa, tive que comprar umas peças no lado das roupas de meninos, pois quero que minha filha use verde e azul também.

Mudando de assunto
1. A reforma no quartinho de Malu está a todo vapor. Foi um quebra-quebra aqui em casa ontem, uma poeira. Dei um duro danado para limpar tudo, fiquei um caco. Para piorar, dei mil voltas à casa de materiais de construção, o pessoal que trabalha lá até brincou dizendo que eles achavam que eu teria meu bebê por lá. Hoje é o segundo tempo da reforma, pelo menos Rui está aqui.
2.Gente, ontem o blog comemorou 100 postagens. Adoro números redondos e 100 é um número ótimo!

Beijos

Comentários dos comentários

1. Clau - Que bom que vc gostou da roupa nova do blog. Não sei bem há quanto tempo você me acompanha por aqui, mas acho que essa já é a quarta aparência do blog. Sempre gosto de mudar. Quanto à minha altura, tenho 1,70m (bem alta não é?). Olhe, seu aumento de peso está ótimo, o meu também não está ruim, mas poderia ser melhor... quanto ao hospital, aqui em Salvador há várias maternidades, mas como pretendo parto normal, corro risco de não achar vaga no que prefiro. Na sua cidade só tem m hospital, mas como a cidade é pequena, a demanda deve ser beeem menor também.

2. Juh - Apesar do fundo do blog ser azul, também acho que ficou com carinha de menina, delicado, mimoso... Em relação À ultra, estamos mesmo muito ansiosos para ver Malu, ficamos sempre emocionados quando a vemos se mexer, ver os detalhes das mãozinhas. Agora estou louca pra ver se ela já tem cabelo. Gostaria muito que ela fosse bem cabeluda. Acho lindo. Mas eu fui um bebê careca, então as chances dela ser cabeluda se reduzem... rs.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Nova consulta pré-natal

Esta é a famosa Drª Sônia. Eu até estava na foto com ela, mas não fiquei bem, por isso cortei, rs



Quarta-feira (anteontem) realizei a consulta pré-natal de outubro. O consultório da Drª Sônia está sempre cheio, mas dessa vez, quando cheguei havia apenas uma pessoa na sala de espera (adorei!).

A consulta segue sempre aquele roteiro que já postei aqui, mas dessa vez tive que fazer um preventivo.

Contei minhas queixas, levei dois puxões de orelha, um por não ter ido à consulta no mês passado, e outro por não está preparando os seios para a amamentação. Me pesei e acabei engordando 4 quilos nos dois últimos meses, ao todo, em quase 7 meses, engordei 5,5Kg (Ai meu Deus! Se eu pudesse parava por aqui). Aferi a pressão e estava em 10 por 8.

Por conta do excesso de peso ganho, Drª Sônia suspendeu as vitaminas, mas disse que eu voltaria a tomá-las no final da gestação.

Quando falei que meu pés inchavam de vez em quando, ela sugeriu que eu diminuísse o sal (o que já tenho feito há muito tempo, tanto que às vezes passo mal e tenho que comer sal), disse também que era para colocar os pés para cima...

Falamos sobre o parto e ela sugeriu o Hospital Português (aquele que Ivete Sangalo teve o bebê), alegando que as instalações são novas, a U.T.I. Neo natal é super equipada (Com fé em Deus não vamos precisar dela) e como o Hospital é novo, fica mais fácil de achar vaga para parto normal, já que não poderemos agendar. Falamos (Rui e eu) que tínhamos interesse nesse hospital também e num outro aqui da cidade.

O ponto alto da consulta, como sempre, foi o momento em que ela pegou um aparelhinho e pudemos ouvir o coraçãozinho de Malu, Rui até gravou o som.

Falando em Rui... ele faz questão de estar presente em todas as consultas, até agora ele não perdeu uma, já virou até amigo da médica.

Antes de irmos, ela passou um remédio para um corrimento que estou apresentando e passou uns exames. Perguntei se não faria ultra- sonografia esse mês, ela disse que não havia necessidade, mas se eu quisesse ela passava. E o que eu respondi? Claro que quero, nunca mais vi meu bebezinho.

Mudando de assunto


1. Gostaram da nova cara do blog? E a nova foto? Meu primo Tassyo, lembram dele? Pois, foi ele que mudou tudo pra mim, ele é um amor não é? Obrigada primo!! Ficou lindo!!


Comentários dos comentários


1.Juh - É muito emocionante ver a casa se transformando e assim como você, eu também, antes mesmo de decidir engravidar, já sonhava com o quartinho e enxovalzinho de meu bebê.
2. Clau - Eu vivo olhando as roupinhas de Malu, não me canso! Hum, Clau, encarar um parto particular dever ser difícil, principalmente porque a gente já gasta tanto com o tudo aquilo que vc citou... Que bom que vocês compraram uma casa, deve ser um sonho, sem contar que para uma criança é muito melhor ter espaço à vontade para brincar, correr... Fico feliz por vocês.

3. Josie (comentário em "Será que Malu será canhota?") Amiga, Não sabia que vc era canhota. Todos que conheço vivem se queixando da vida, das carteiras na escola, da marcha no carro, enfim... Mas você é chique hein? Ambidestra. Acho que é por isso que você não é reclamona como um canhoto, viu? Mas se Malu nascer canhota, não se preocupe, só vou falar das vantagens pra ela.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Preparação para a chegada de Malu.


A natureza se encarrega de preparar o corpo e organismo da mulher para a chegada o bebê. O leite começa a ser produzido, os bicos dos seio ficam mais escuros e consequentemente mais resistentes, acho até que ficamos mais sensíveis, pacientes, amorosas... Deus faz tudo certinho.

Por outro lado, nós (pais) também nos preparamos para a chegada deles, economizamos dinheiro (ou gastamos tudo o que temos com os preparativos), ajeitamos o carro, programamos as férias para coincidir com o nascimento, enfim, encminhamos tudo, para que quando o bebê chegue, tudo esteja devidamente preparado.

Rui e eu estamos no maior corre-corre. Estamos preparando a casa para achegada de Malu. Contratamos pedreiro, gesseiro, marceneiro, pintor para dar uma repaginada no quartinho dela, colocaremos tela mosquiteira em todas as janelas do apartamento, grade na janelinha do quartinho dela... Vocês não imaginam o quanto a gente tem gastado com todos esses serviços. Mas tenham certeza, a gente tem "gasta" com muito prazer.

Ontem estava aqui na internet, quando alguém me interfona. Era o bercinho dela que tinha chegado. Fiquei tão emocionada, uma vontade de chorar. Parece que pouco a pouco a chegada dela se anuncia e cada compra que fazemos ficamos imaginando como será quando ela estiver usando isso ou aquilo.

Pouco a pouco o apartamento vai se transformando numa residência de uma família. Desde que casamos nos sentimos incomodados com as muriçocas, ou com a falta de proteção nas janelas, mas só agora nos preocupamos em resolver esses problemas. Pois já sentimos a responsabilidade de protejer e cuidar de uma pessoinha que dependerá totalmente da gente, e desejamos fazer o melhor que pudermos para ela.

Com a proximidade de janeiro, minha ansiedade só aumenta. Tô louca pra conhecer minha filhinha, dá um monte de beijinho, fazer um monte de carinho, sentir o cheirinho dela...


Mudando de assunto


1. Recebí hoje por scrap no meu orkut, enviado por meu primo lindo Tassyo, um link de uma comunidade "eu amo minha filha Malu" e tem umas comunidades relacionadas só sobre Malus. Estou amando conhecer pessoas que terão alguma coisa em comum com minha filha.

2. Gente, minha barriga agora cresce a cada dia. Antes só percebia o crescimento a cada semana ou 10 dias, mas agora, de um dia para o outro já sinto que está maior. Mas não está tão grande assim, dependendo da roupa que estiver usando, alguém pode não perceber que estou grávida.


Comentários dos comentários


1. Isa - Você falou desse detalhe que eu eu coloquei " de 2 a 83 anos", o pior você não percebeu, o título estava enorme " Será que Malu vai será canhota?" Aff. Tô ficando doidinha mesmo, é o corre-corre, são muitas coisas para resolver, fazer, comprar, enfim...

2. Aline - no post de amanha vou falar sobre a consulta com Drª Sônia, mas te adianto que a gente só ouviu o coraçãozinho...

3. Priscila - ela já está ficando de ladinho, de frente, de trás... Aff, pense numas mexidas muitas vezes dolorosas. Mas o lado esquerdo, é o favorito dela, rs.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Será que Malu será canhota??

Logo que comecei a sentir os movimentos de meu bebê, alguém me perguntou de qual lado ela gostava mais de mexer. Como não tinha prestado atenção (ou ela realmente não tendia para nenhum dos lados), respondi que ela não tinha preferência por nenhum dos lados.

De umas semanas para cá, porém, pude perceber que Dona Malu tem mexido muito do lado esquerdo. Cerca de 90% das mexidinhas são desse lado. Ela até mexe do lado direito, claro, porém, a intensidade é menor e a quantidade também é menor.

Não se sabe ainda o que determina se uma pessoa será destra ou canhota, mas alguns especialistas acreditam que seja a genética. Eu sou destra e Rui também, segundo estudos, Malu teria apenas 9,5% de chances de ser canhota. Mas meu pai é canhoto, isso pode elevar um pouco esse percentual.

Sinceramente não gostaria que minha filhinha fosse canhota, mas só poderei ter certeza de sua lateralidade quando ela tiver entre 2 a 3 anos, pois é a partir dessa idade, pois a partir daí ela irá utilizar uma das mãos com mais frequência.
Mas o fato é que ela adora o lado esquerdo da minha barriga. É bem verdade que o espaço que ela tem agora é bem menor, pois embora a barriga cresça, o crescimento do bebê é ainda maior.

Seja como for, canhotinha ou destrinha eu sei que a cada dia ela está mais espertinha, pois ela tem mexido muito intensamente, às vezes tenho que recorrer ao CDzinho de músicas de Mozart para ver se ela se acalma... às vezes resolve.

Mudando de assunto

Hoje finalmente tenho consulta com a Drª Sônia, mês passado, infelizmente não fiz meu pré-natal e essa semana, Rui comentou comigo sobre a necessidade de fazer as consultas religiosamente todos os meses, pois eu sinto umas dores, uns incômodos, temos dúvidas que poderíamos não ter se estivéssemos em dias com os exames...

Comentários dos comentários

1. Vívian - De todos os momentos da gravidez o mais delicado pra mim (até agora) foi a escolha do nome. É uma coisa tão definitiva e que irá acompanhá-la pelo resto de sua vida, portanto, devemos pensar... mas fique tranquila, pois os nomes que vc escolheu são lindos, seus bebês certamente gostarão.

2.Isa - Adorei o site. Na verdade as grávidas de uma comunidade que participam sempre falam dele, mas eu nunca me lembrava de olhar... é muito interessante. Valeu

3. Juh**- Pois é Juh, tem coisas que nós gostaríamos de decidir apenas quando o bebê nascesse, um outro exemplo é a decoração do quartinho. Será que o que eu estou preparando tem a ver com a personalidade dela? E se ela odiar a cor rosa? Mas acho que a gente decide tudo com tanto amor que nossos bebês acabam adorando...

4. Indira - (comentário em "barriga de menino ou barriga de menina?") - menina, quando escreví a postagem, eu realmente não consegui lembrar quem me disse, foi você mesmo? Então, quer dizer que barriga pontuda é menino e vc acha que minha barriga está pontuda... pois, muita gente a acha redonda. Vocês (povo) não sabem o que dizem, rs rs.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Que nome terá a cara do meu bebê?


Algumas vezes (poucas) durante a gravidez, me deparei com pessoas que me aconselharam a não definir o nome de meu bebê antes dela nascer, alegando que às vezes, corremos o risco de escolher um nome que não tem nada a ver com nosso filho ou que não combine com sua personalidade.

Segundo quem pensa assim, eu não precisaria esperar 9 meses para fazer tal escolha, mas deixaria alguns nomes que gosto muito ‘na manga’ e na hora que olhasse para carinha dela, decidiria qual nome combina mais com seu jeitinho.

Na aula de cerâmica, a professora me falou algo semelhante. Ela na verdade perguntou ”Porque você não deixa para escolher o nome quando olhar para a carinha dela? Pode ser que você a ache com a cara de outro nome.”

Acho que esse pensamente tem um certo fundamento, mas certamente, mas, a essa altura do campeonato, tenho certeza que ela tem carinha de Malu, jeitinho de Malu, cheirinho de Malu... Mas de vez em quando me pego pensando nestes conselhos. Ontem à tarde, estava escrevendo uns posts para o blog no Word e um deles tinham o nome dela no título, aí eu comentei com Rui:

Leila: “Nêgo, PAra mim, o nome de Malu tem 90% de chance de ser com um “L” só.
Rui: Então está decido.
Leila: Só que eu acho (eu realmente acho) que ela irá preferir com dois “L”.
Rui: Será?
Leila: (lembrando de tudo isso que postei acima).E se eu olhar para a carinha dela e achar que ela tem cara de Mallu (com dois "L")?
Rui: Porque você está falando isso?
Leila: (contei a história acima)
Rui: Mas não tem como a gente saber se ela tem cara ou vai preferir um “L” ou dois, só quando ela crescer... e agora que estamos montando o enxoval, nós não poderemos
personalizar nada...
Leila: Xii, é mesmo, nem as lembrancinhas de maternidade.
Rui: Eu acho que também estou mais inclinado para um “L” só.
Leila: Mas eu sinto que ela vai preferir dois “L”

Será que é realmente possível perceber se um bebê tem a cara deste ou daquele nome?
Beijos

Comentários dos comentários

1. Clau - Que loucura hein? Para algumas pessoas barriga pontuda é menino, para outras, é menina. Para algumas pessoas minha barriga é pontuda, para outras (a maioria), é redonda. e agora essa da cintura... Obrigada pelo lindona, viu? Mas ainda faltam quase três meses e ainda posso engordar bastante (espero que não!), rs. Ah! já li boa parte de seu blog, viu? Tá lindo!!

2. Aline - Assim fica fácil acertar o palpite né amiga? Mas sabia que mesmo com todas as leis da probabilidade, quase todos acertam que é menina? Acho que só uma pessoa achou que era menino, ou nenhuma...

3. Tassyo - pois é, os médicos dizem que o formato da barriga não determina nada, segundo eles, isso é invenção do povo. Ai Tassyo já disseram que minha barriga stá quadrada ou triangular, foi? rs rs. Agora uma coisa é certa, de vez em quando ela realmente fica pontuda, quando Malu mexe muito, parece que ela chega um pouco para frente mesmo.

4.Juh** - Seja bem vinda ao me blog, viu? Vou adorar tê-la sempre por aqui... E saiba que vc faz parte de um grande grupo de pessoas que visitam meu blog com frequência, mas não estão grávidos, não tem filhos e muitoas nem são casados ainda. Que bom que você do nome da minha princesa e sua irmã é a primeira Malu que conheço que não é Maria Luíza... rs. Beijos.

sábado, 17 de outubro de 2009

Barriga de menino ou barriga de menina?

E aí? Minha barriga é redonda ou pontuda?



Há pessoas que quando notam que eu estou grávida, logo perguntam o sexo do bebê, porém, há um grúpo de pessoas ( a maioria, eu acho) que querem exercitar seu lado advinho e fazem questão de dar um palpite, baseado no formato da barriga.

99 ou 100% das pessoas, afirmam (aparentemente sem sombra de dúvidas) que eu estou grávida de uma de menina, e quando pergunto como descobriram, a resposta é sempre a mesma, pelo formato da barriga.

Quando a barriga estava começando a crescer (por volta dos 4 meses), muitos diziam que era redondinha e que deveria ser uma menina, mas agora minha barriga está meio pontudinha e todos continuam dizendo que é uma menina (??). Alguém pode me explicar isso?

Nesta semana, alguém (que já sabe que quem está na área é uma princesinha) comentou que minha barriga está parecendo de menino. Acho que foi a única vez que alguém disse que minha barriga é de menino.

Eu lhes pergunto, afinal, qual é a regra? barriga redonda - menina e barriga pontuda menino ou vice versa?

Também nesta semana, no restaurante, fui apresentada a uma outra categoria de advinhos... Estava na fila para pagar o almoço (só estava na fila porque só tinham duas pessoas na minha frente, tá?) e encontrei uma professora lá da faculdade que me apresentou a uma outra professora (Alejandra). Ela não é brasileira (acho que por isso tem outro método de advinhação). Primeiro ela perguntou com quantos meses eu estava e pediu para que eu virasse de costas, fiz o que ela pediu. Aí ela afirmou: "É uma menina!" Eu, espantada, disse que sim e perguntei, "como você acertou", ela dissse que quando a gravidez é de menino o corpo da mulher fica quadrado, meio deformado, sem cintura... e quando é menina, o corpo fica, com as curvas acentuadas, a cintura evidente (claro que eu adorei a parte das curvas acentuadas etc).

Segundos especialistas, o formato da barriga não tem nada a ver com sexo do bebê, apenas exames podem confirmar isso para você, mas porque comigo quase todos acertam?

beijos


Comentários dos comentários

1. Vívian - Você está sentindo esse calorão todo, imagine uma grávida que mora em Salvador (eu, rs)... Menina, não sabia que havia sofrido ameaça de aborto, olhe repouse bastante, viu? Fique quietinha, para que não aconteça nada com seus bebês. Que bom que vc ouviu o coraçãozinho de pelo menos um, sei que emsmo assim, vc ficou emocionada... Com fé em Deus está realmente tudo bem com os dois.

2. Priscila - Estou achando que as não grávidas que frequentam meu cantinho (incluindo vc) estão muito animadinhas, viu? mas uma coisa eu posso afirmar: Bebê só depois que casar, rs. Pois é minha filha, faço parte da categoria das pessoas com recheio (quem aguenta?)... quanto ao calor... viva o ventilador!!

3- Clau - Cadê vc menina?? Tô com saudade...

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Calor, muito calor!


Se eu não estivesse grávida, juraria que estava na menopausa. Sempre fui muito friorenta, tanto que ficava toda empolada, vermelha, cheia de marcas pelo corpo diante de qualquer brisa ou ambiente climatizado. Ir ao cinema? Só com um casaquinho. Passear pela praia à noite? Só com um casaco bem pesado e bem abraçadinha comRui.

Mas agora a história é outra, estou sentindo muito calor. Sempre soube que grávidas sentiam mais calor do que os demais seres humanos (só perdiam para as mulheres que estão na menopausa), estava até achando estrando não sentir. Mas agora que compretei 6 meses, estou a ponto do desespero.

Só durmo com ventilador ligado (faça sol ou faça chuva), quando estou em casa, uso o mínimo de roupas possível, vivo suada e fedorenta (essa parte é um exagero, tá? Sempre uso desodorantes, perfumes etc, Rui até me chama de Xerosa, quando me faz um dengo, rs).

As causas desse calorão? Segundo especialistas, ainda não é sabida uma causa exata, mas o aumento da progesterona, hormônio que interfere na temperatura do corpo, é uma delas (sempre os hormônio... Aff!). Há quem diga também que todo esse calor está associado aos hábitos da grávida: por sentimos mais fome, comemos mais, dessa forma, aumentamos nosso acúmulo de gordura é maior e quanto mais gordura, mais calor.

O solução é se hidratar bastante, usar roupas leves e ter sempre na bolsa um leque, um abano, ou um pedaço de papelão mesmo, para na hora do aperto, produzir seu próprio vento.


beijos


Comentários dos comentários

1. Isa - Amiga, vc disse tudo que Rui precisava saber, tipo assim, se ele não me quiser, tem quem queira rs, rs (brincadeira). Mas é verdade, é bom ser lembrada que estamos bonitas em forma... obrigada pelo "de ouro, educada, linda e simpatica", adorei!

2. Indira - Adorei o "gostosinha", só espero que quando o recheio sair, continue assim, rs rs.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Estou grávida, mas não estou morta, rs rs


Espero que meu marido não leia este post, pois pode ser que ele fique meio enciumado...

Quero falar hoje sobre cantadas que recemos quando passamos pelas ruas da cidade. Sempre ouví uma cantadinha ou outra, quando me ariscava a andar a pé por aí. Às vezes, Rui estava até próximo de mim e percebia um olhar atrevido em minha direção... claro que eu NUNCA correspondí a nenhuma investida dessas, mas que elas acontecem, acontecem.

Pensava eu que quando minha barriga estivesse proeminente, tais cantadas cessariam, em respeito ao meu estado ou realmente por falta de interesse dos atrevidos.

Estava enganada. Não é que mesmo barrigudinha ainda escuto uns "psiu, psiu" em minha direção.

Andando pelo bairro onde onde fica minha faculdade (Canela), recebo um monte de cantada, quer dizer, algumas cantadas do tipo, "você é linda, viu?", "oi gatinha" etc.

Só estou falando sobre isso, porque estou realmente surpresa, pois achava de verdade que mulheres grávidas não eram cantadas.

Mas hoje aconteceu algo engraçado, vinha um rapaz atrás de mim, falando umas coisas e de repente, quando ele viu meu barrigão, fez uma cara de decepção, parcia que ele ficou chocado ou envergonhado por estar paquerando uma pessoa no meu estado, rs rs.

Que falta de respeito, viu??


beijo


Comentários dos comentários


1. Aline - Viu como ela já está espertinha amiga? Quer dizer que a parte boa, intelectual etc ela puxa a você, e a parte ruim? Quem vai declarar: "ela puxou a mim?" rs . Beijos amiga.

2. Isa - Também estava com saudade, viu? Acho que Malu també adorou te ver... beijos.

3. Tassyo - Você sumiu mesmo, viu? Ave! Nem me fale sobre a esperteza de Mallu... Você quando era pequenininho era tão esperto, tão sabido, tão lindo... Ai que saudade.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

A cada dia uma surpresa


Já havia comentado que pelos movimentos que Malu andava fazendo, eu tinha impressão que ela seria uma ginasta olímpica, ou capoerista. Depois ela começou com uns chutinhos, aí eu pensei – Hum, a nova Marta, jogadora de futebol. Mas agora, acho que descobri a sua verdadeira vocação...

Todos sabem que ela (Malu) tem um mCD com músicas de Mozart orquestrado especialmente para bebês. Eu sempre o coloco para ela ouvir e parece que ela adora. Se ela está quietinha, quando ouve a primeira nota da música, dá logo um pulinho, se mexe um pouquinho, como quem diz: “oba! Vou ouvir musiquinha”, depois fica calma. Quando ela está ouvindo seu sonzinho, quietinha e eu desligo, ela dá um pulinho (reclamando)como quem dissesse: “poxa minha mãe, porque você desligou?”

Sexta-feira à noite aconteceu uma coisa engraçada, estávamos no quarto (Rui e eu) e a TV estava ligada na novela das seis, de repente um dos personagens começou a ouvir uma música clássica, gente, Malu deu um pulo, como quem diz: “oba! Vou ouvir musiquinha”. Ou seja, ela pensou que fosse o CDzinho dela, achei tão fofo, tão lindo... Rui e eu ficamos como bobos...

Voltando a verdadeira vocação de meu bebê. Acho que ela vai ser bailarina, porque quem adora ficar dançando músicas clássicas são as bailarinas, não é? Pois, Malu, como vocês puderam perceber, não pode ouvir uma musiquinha clássica que logo começa com seus Demi-pliés (passo de balé), rs.

beijos


Comentário do comentário

Priscila - Eu sabia que não era impressão minha, realmente tem muita menina nascendo... Boa idéia, você me deu viu? Vou garantir logo meu genro, porque quando Malu crescer, a concorrência vai ser grande, rs rs.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Epidemia II


Oi Gente! Há quanto tempo hein? Sei que andei sumida, mas a culpa é do feriadão... Apesar da chuva fizemos uma ótima viagem. Fomos ao acampamento da Igreja onde minha tia e seu esposo são pastores. Foi um fim de semana super agradável. Acho que Malu também curtiu bastante.

Lembram de um post onde eu comentei que havia uma epidemia de grávidas na cidade? Parecia que todas as mulheres resolveram engravidar, pois para onde eu olhava só via grávidas... Essa epidemia continua. Mas hoje quero falar de outra epidemia.

Parece que todos os casais que tiveram filos recentemente, tiveram meninas. No shopping, no supermercado, na praia, onde eu vou, só vejo casais com bebês e em sua maioria, meninas.

É cada meninina fofa, uma mais linda que a outra, com seus lacinhos, tiaras, botas e vestidinhos, com florzinhas, corações e babadinhos tudo muito cor-de-rosa, claro.

Confesso que estou a cada dia mais encantada pelo universo das meninas. Meus olhos só procuram por elas. Não posso ver uma que mostro a Rui e fico imaginando como Malu será, como será nossa vida quando ela chegar...

Me sinto tão feliz em ser uma futura mãe de uma menininha


Mudando de assunto


1. Estamos corendo contra o tempo. Segundo nosso desejo, o quartinho e enxoval de Lulu, devem estar prontinhos em novembro, mas o tempo está passando e desespero está batendo à nossa porta. Parece que não vai dar tempo. O mês previsto para ela nascer é janeiro, mas nãom podemos deixar tudo para a útima hora. Primeiro porque ela pode ser apressadinha e chegar antes e segundo porque já estou começando a sentir os efeitos do peso da barriga: cansaço fácil, pés inchados etc.


Comentários dos comentários


1. Isa - Você melhor do que eu entende essa coisa de sonho... mas eu sempre me impressiono com eles e acho mesmo que eles querem dizer algo, o problema é interpretá-los.

2. Josie - É exatamente isso que tento colocar na minha cabeça - que nem sempre os sonhos querem dizer alguma coisa - O mais importante de tudo é realmente que Deus está no controle. Bom saber que você está sempre por aqui, viu? Fico feliz. Aproveita e manda um beijo para Cláudio.

3. Aline - Menina, eu nem lembrei que dia 12 era dia de Malu, mas algumas pessoas que estavam no acampamento, desejaram a ela feliz dia das crianças... Amiga, vc não é mais criança, mas dia 12 também é seu dia!! Feliz aniversário, viu? Seja sempre muito feliz!!

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Sonhos ruins, pensamentos ruins...


Sempre leio e ouço sobre grávidas que vivem tendo sonho ruins com o bebê. As pessoas até me perguntam: "já começou a ter sonhos ruins?" eu sempre respondo que não. Na verdade eu não sonho com meu bebê (só acordada). Antes de engravidar eu até sonhava...

Mas essa semana eu tive um sonho ruim, que me deixou (e ainda me deixa) bastante impressionada. Volta e emia me Para tentar me consolar, Rui disse que o que acontece na realidade é o oposto a esses sonhos ruins. Pra ser sincera eu não fico imaginando que o que aconteceu no sonho irá se realizar, mas é muito ruim você vê (porque no sonho a gente vê, não é?) coisas ruins acontecendo com uma pessoa (n meu caso, uma pessoinha) que você ama tanto.

Sei que Deus está no controle de tudo e até aqui ele me ajudou. Tenho certeza que tudo dará certo. A fidelidade de Deus é grande.

Às vezes me pego pensando em coisas ruins, complicações no parto, problemas com o bebê. É tão ruim pensar essas coisas...

Tenho me sentido triste esses dias, chorona, sensível, o que me faz me sentir tão culpada, pois a espera por um bebê é o momento mais feliz na vida de uma pessoa - é o momento mais feliz de minha vida, então acho que deveria estar sempre sorrindo, alegre e saltitante.

Nessas horas eu converso com meu bebê, digo a ela que mamãe está triste, mas que ela é minha alegria, que ela é um presente que Deus colocou na vida da mamãe e do papai e que eu a amo muito.


beijos

........................................

Comentários dos comentários


1. Priscila - Pois é Priscila, além de ser marinheira de primeira viagem, o desejo de toda mãe é que o cantinho de seu bebê seja o mais lindo e aconchegante do mundo. E pode deixar, tão logo o quarto fique pronto, vou postar umas fotos aqui.

2. Tassyo - Rui é todo exagerado e acha que eu que sou exagerada... Em relação às espinhas, até chorei ontem me olhando no espelho, Rui ficou perguntando o que era e eu nem disse (xii, agora ele vai saber).

3. Ameixa e Cereja - Básica, nunca fiz cuscuz com banana da terra não, mas Rui e eu amamos banana da terra, cozida ou frita... deve ser uma delícia com cuscuz.

4. Deise - o pior é que a Editora lucra duas vezes comigo, pois tenho a assinatura de uma revista de decoração e ainda fio cmprando essas avulsas... aff.

5.Indira -Você estava sumida mesmo, viu? Mas eu só vou te perdoar porque sei que vc está muito ocupada paparicando Mel. Quanto à grafia do nome Mallu, tenho escrito com um e dois "L" para ver com o qual simpatizo mais... O nome completo da minha médica é Sônia Alcântara Villas Bôas Carruego. Não suma assim de novo não, viu?


quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Revistas, um vício!


Não sei se é uma compulsão, ou é um desejo de grávida, mas uma coisa que tenho feito bastante enquanto grávida é comprar revistas. Revistas sobre gravidez e principalmente de decoração de quarto de bebê.

Não posso passar por uma banca de revistas que logo compro uma. Rui até brinca dizendo que o dinheiro que eu já gastei com essas revistas, daria para comprar todo o enxovalzinho do bebê (acho que ele não tem noção de quanto custa um enxoval completo, tadinho, vai tomar um susto, rs.)

As revistas, mesmo as de decoração, não foram feitas para serem apenas vistas, mas lidas. E elas trazem informações interessantíssimas para os futuros papais. Tenho aprendido bastante com elas.

O projeto do quartinho dela já está pronto há semanas, mas eu sempre acho que vou encontrar uma novidade que possa ser adicionada, por isso compro as tais revistas e sempre chego em casa dizendo a Rui: "essa foi a última", já comprei umas 4 "últimas", rs.

Mudando de assunto

1. Lembram que eu havia comentado num post desses que minhas espinhas haviam diminuído? Pura ilusão. Elas só deram uma trégua de alguns dias, mas já voltaram a todo vapor (quando digo que não posso me elogiar...)

2. Não fui à consulta com Drª Sônia ontem, foi uma complicação, tinha horário marcado com outro médico... mas ela disse que posso ir amanhã.

3. Sabiam que Malu adora cuscuz? Ontem, pouco antes de tomar café (à noite), eu perguntei a Rui se ele queria cuscuz, e Dona Malu logo deu uns pulinhos, como se estivesse dizendo que ela também queria (eu entendo essas coisas porque eu sou a mãe, tá?). Aí eu perguntei: "Malu, vc quer cuscuz, é? Ela deu outro pulinho. Aí eu perguntei: "Você tá com fome é menina? Ela não respondeu nada. Aí eu disse "Ah! você está com vontade de comer cuscuz não é? Ela deu um pulinho. Eu disse, Rui, pergunta alguma coisa, e Rui perguntou: "quer cuscuz, papai? Ela deu um pulinho. Foi tão engraçado... essa menina é um prodígio, viu? Pense num bebê sabido! rs, rs.

beijos
..................................................

comentários dos comentários

1. Tassyo - Ô primo, eu nem me lembrava do episódio em que vc também se queimou com meu babyliss, mas quando vc comentou, eu logo lembrei... tadinho. Desculpa, viu primo? mas eu te amo, viu??

2.Kel - Tem coisas que realmente só acontecem comigo. Mas o pior de tudo é que eu ainda tenho coragem de contar aqui...

3. Priscila - Nem me fale dessa minha ida ao Rio, viu? Mas, como vc disse, a tendência agora é tudo melhorar... Com fé em Deus, daqui pra frente, tudo vai dar muito certo!

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Mamãe dodói, bebê saudável

Essa é a arma do crime!!


Pequenos acidentes domésticos são comuns em todas as residências, comigo não seria diferente. Na verdade meu acidente doméstico não aconteceu em casa, mas no hotel no Rio de Janeiro. Incrível como essa viagem ao Rio não teve um saldo muito positivo...

No último dia na Cidade Maravilhosa, o sol apareceu e eu me empolguei. Me produzí toda para dar uma voltinha na praia. Uma parte da produção foi fazer cachinhos nos cabelos com Baby liss (ficou lindo, rs), tirei o aparelho da tomada, coloquei-o na cama e imediatamente sentei em cima dele. Não sei onde estava com minha cabeça na hora (acho que no sol que finalmente havia aparecido), o que eu sei é que doeu bastante.

Liguei o chuveiro com água fria e deixei a água caindo sobre a área afetada (coxa, não foi no bumbum, graças à Deus), como estava com pressa para sair, saí do chuveiro e encostei no local uma lata de coca cola que estava no frigobar, depois de todo esse ritual saí.

Quando chegamos em casa (já em Salvador) mostrei o ferimento a Rui e ele sujeriu que fóssemos ao médico. Como estava com receio de sentir mais dor, disse que não iria e não fui.

Passando os dias, o ferimento foi ficando feio, até que segunda-feira eu não aguentei a dor e fui ao hospital. A coisa estava feia, o ferimento estava infeccionado e saindo uma secreção... Eca! Tive que ser atendida por um cirurgião, doeu muito a ainda dói. Estou com uma certa dificuldade para andar, por conta disso o médico me deu um atestado de 3 dias e me encaminhou a outro cirurgião (já marquei essa nova consulta para hoje à tarde).

Já comentei que com a gravidez, nossa imunidade fica muito baixa, talvez por isso, uma leve queimadura tenha se agravado tanto. A pior parte é que tenho que tomar antibióticos, liberados pela doutora Sônia, mas que eu não gosto de tomar, pois não sei se é tão inofensivo assim para o bebê.
O lado bom da coisa
Ontem à noite liguei para doutora Sônia para saber se poderia tomar o tal antibiótico, durante a conversa, ela disse que eu estava sumida, eu acabei confessando que não faria pré-natal esse mês... ela achou um absurdo e disse que eu posso aparecer lá hoje que ela irá me atender. ela até perguntou se eu não estava de atestado por causa da perna e disse que eu poderia ir na sexta. Mas como tenho consulta com o cirurgião hoje, vou aproveitar e fazer tudo em uma única viagem... Ai que bom!


beijos
.......................................................

comentários dos comentários


1. Clau - Seu GO atende até a meia noite? Puxa, nunca ví nenhum médico fazer isso por aqui... Em relação às gotinhas de leite, comigo não fica saindo não, só quando faço os exercícios mesmo, mas como eu nunca os faço... rs. Olhe, eu acho que vc pode organizar o seu chá do jeitinho que vc quer, providenciar o que servir, a decoração, lembrancinhas etc, só a parte das brincadeiras que vc delega a sua amiga, ou vocês fazem tudo juntas, exceto as brincadeiras, que ficaria só com ela...

2.Vivian - Tava sumida hein? Para mim qalquer combinação de gêmeos é muito boa: Um casal, vc terá experiência de ser mãe de menina e de menino, o que eu acho ótimo. Duas meninas ou dois meninos - O quartinho fica mais fácil de decorar, é mais econômico e eles serão companheirinhos de brincadeiras quando estiverem crescendo.
Os nomes que vc escolheu são lindos. E caso sejam duas meninas e vc colocar em uma o nome Malu, eu vou achar lindo também. Estou adorando conhecer 'Malus', sem contar que é um nome lindo pra se colocar num bebê, rs.

3.Dani - O nome completo da minha médica é Sônia Alcântara Villas Bôas Carruego, será que é a mesma médica de sua mãe? Que masa!! O consultório dela é num prédio que fica entre a Catedral da fé e a Primeira Igreja Batista do Brasil.

4. Monalisa - Eu até tento postar todos os dias, mas às vezes preciso sair, fico o dia inteiro fora (principalmente finais de semana), ou então fico sem assunto... Sabia que dá um branco de vez em quando? Mas vou tentar postar diariamente, rs.

5.Isa - Beringela é ótimo... Estava olhando os vegetais das próximas semanas e acho que o último, ou seja, a meta de cada bebê é chegar ao tamanho de uma JACA. Quem aguenta??

6. Deise - Se vc me achou cabeça de vento só porque eu esquecí de remarcar a consulta, com esse post de hoje, nem sei do que vc vai me chamar... rs. Também acho que se Malu nascer dia 13, a história dela ficará mais romântica e especial... Mas como não depende de nós, só nos resta torcer!!

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Esse mês eu não vou fazer pré-natal :(

Xiii. Meu olho ficou fechado

Olha como Malu cresceu!!



Minha ginecologista é bastante concorrida. Sempre que vou ao seu consultório, a sala de espera (e que espera...) está sempre cheia e olhe que que ela atende até as 21:00h.

Para conseguir fazer as consultas pré-natais regularmente, devo sempre marcar com um mês de antecedência. Ela realemnte deve ser muito boa não é? Ela é ótima, competente e recomendadíssima - é a ginecologista de minha avó, de algumas tias e de outras tantas conhecidas...

A última consulta que fia foi no dia 26 de agosto e logo marquei uma nova para o dia 28 de setembro, só que esse foi o dia da viagem ao Rio de Janeiro, e na correria da viagem não tive tempo de remarcar a consulta. Ontem liguei me justificando e pedindo para marcar uma nova data e qual não foi a minha surpresa, só consegui vaga para o dia 21 de outubro, ou seja, quase dois meses depois da ultima consulta.

O pré-natal é muito importante, pois atravez dele o médico consegue detectar precocemente alguma anormalidade na gestação, na mãe ou no feto. É onde a futura mamãe pode tirar suas dúvidas, medos e preocupações... e onde ouvimos orientações importantes sobre a importância do controle de peso, alimentação, medicamentos etc.

É fato que todo obstetra disponibiliza seus números de telefone para que as grávidas possa ligar a qualquer momento quando se sentir perdida em meio a dúvidas. Eu mesma já liguei várias vezes para doutora Sônia: Para saber o que posso tomar para azia, dor de cabeça, alergia, falar de uma dor estranha que estava sentindo, sobre viajar de avião, etc.

Meu receio em não fazer o pré-natal esse mês é porque não terei como fazer os exames de sangue, urina e o principal: a ultra-sonografia. Será que vou conseguir ficar mais um mês sem ver meu bebezinho lindo?
Mudando de assunto:
1. Gente, Malu simplesmente não para de mexer, uma noite dessas Rui não estava conseguindo dormir, mas ficou abraçadinho comigo na cama (eu dormindo, claro), ele disse que Malu mexeu a madrugada toda! Os movimentos que a barraga faz são diferentes agora, ao invés de pulos ou picos, a barriga fca como uma onda, é tão lindo.
2. Ontem recebemos aqui no blog o comentário de uma Malú, achei tão lindo... Quem quiser conferir, está na postagem "Malu ou Mallu", se vc não quiser ir rolando e preocurando, vc pode ir aí do lado direito, onde tem "Arquivo do blog" no mês de setembro você procura a postagem. Outro dia foi Roberta, que comentou em "A decisão e as impressões sobre o nome
escolhido", ela tem uma filhinha que se chma Malu. Estou adorando conhecer Malus.
................................................
Comentários dos comentários

1. Tassyo - o post tava complicado foi primo? Xii, nem percebí. Olhe, faltam 3 meses, mas conhecí uma mamãe essa semana que me disse que são os meses que mais demoram de passar, que daqui pra janeiro será uma eternidade... aff. Dia 14 também é uma boa data... façam sua apostas, rs rs.
2. Aline - Pois é amiga, você e Tassyo batem cartão praticamente todos os dias. Isadora também começou assim, mas depois ficou preguiçosa (brincadeira Isa, rs). Além dos motivos que citou dia 13 de janeiro é também período de férias, viu? mesmo que não tivesse outros aniversário próximos, vc não teria desculpas para não comparecer nas festinhas de Malu... Quanto ao dia 13, é uma data tão marcante né amiga... Vou fcar mais emocionada ainda se ela nascer nessa data.
3. Raquel - Se ela nascer na sua data eu ficar feliz também, viu? Mas minha torcida vc já sabe... mas não se admire se, só pra contrariar, ela nascer numa data que ninguém citou... rs.
4. Silmara - Primeiramente, seja bem vinda ao nosso blog, viu? Pra mim é sempre um prazer receber pessoas novas por aqui... Poxa, estamos praticamente com o mesmo tempo de gestação e eplas contas, nossos bebês correm o risco de nascer no mesmo dia. Coincidência 2, estamos grávidas de meninas. Coincidência 3 - minha mãe queria muito que o nome do meu bebê fosse Mariana... é um nome lindo. Que bom que sua gravidez tem sido tranquila, e com fé em Deus será assim até o final. Volte sempre, viu??
5. Isa - Segunto o site que compara o crescimento do feto com vegetais, nossa azeitoninha é hoje uma beringela, rs. Mas eu não concordo muito não, porque ela está pesando cerca de 1 kg e está mais ou menos com 30 cm. Acho que está mais para um mamão mesmo, rs. Agora vc é mais uma para engrossar a torcida para o dia 13, já somos 4...
6. Malú (comentário em Malu ou Mallu)- Oi Malú, fiquei tão feliz com seu comentário, porque eu não conheço ninguém com esse nome. Há uns dias, Roberta postou comentário dizendo que tem uma filhinha chamada Malu também. Que bom que você agora gosta de seu nome. Também o acho lindo, meigo e único. Seja bem vinda ao blog, viu? Obrigada por comentar e volte sempre.
7. Clau - Nunca mais apareceu por aqui...

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

6 meses ou 26 semanas??

Nós, simples mortais, sempre nos referimos ao tempo de gestação em meses. Porém os médicos fazem as contas em semanas.

Para eles, a gravidez dura 40 semanas. Mas não são 40 semanas a partir do dia em que o óvulo e o espermatozóide se encontraram, pois é difícil saber exatamente o dia em isso aconteceu, mas a partir do primeiro dia da última mesnstruação. É claro que eu ainda não estava grávida nesta data, mas a contagem se dá à partir daí.

Sabemos que a ovulação só ocorre mais ou menos duas semanas após o primeiro dia do ciclo menstrual, então na prática, a gravidez dura 38 semanas a partir do dia em que o bebê foi gerado.

No meu caso, minha útima menstruação foi dia 04 de abril de 2009, hoje estou com 26 semanas e dois dias de gestação e a data provável para o nascimento de meu bebê é dia 11 de janeiro de 2010 (mas essa data depende do ciclo mesnstrual, se é de 28 dias, 30 dias etc), então, nós dizemos que o período provável para Malu nascer é de10 a 15 de janeiro, podendo ser antes ou depois desse período.

Para ser sincera, eu adoraria que ela nascesse no dia 13 de janeiro, pois num dia 13 de janeiro, Rui e eu começamos nossa história de amor. Foi o dia de nosso primeiro encontro, do nosso primeiro beijo... foi tão lindo. Isso aconteceu dia 13 de janeiro de 2001.

Ontem eu completei 6 meses, e o saldo da gestação, graças à Deus é posivo. Malu se mexe mais a cada dia (às vezes até me incomoda um pouco, mas eu amo esse incômodo), os enjôos se foram, as tonturas são raras, os meus pés só incharam duas vezes, até as espinhas pararam de nascer, porém as marcas que elas deixaram são horríveis, às vezes evito me olhar nos espelho quando estou sem maquiagem, dá uma tristeza... as dores nas costas continuam, mas só quando faço algum esforço ou ando muito.

Enfim, estou bem e meu bebê também. E a cada dia fico agradecida à Deus por tudo está correndo bem.

beijos

comentários dos comentários
........................................................

1. Deise - Pois é prima, fiu o Rio num péssimo dia. Graças à Deus está realmente tudo bem com Malu - mandei seu beijo pra ela, viu? Que bom que vc está sempre por aqui...

2. Raquel - Não sei se ela nasce em sua data, tem chances... desculpe por eu estar torcendo por outra data tá? Mas se ela nascesse no dia eu iria gostar muito porque é uma sexta-feira, e um dia que eu gostaria que ela nascesse. Quanto ao fato dela mexer depois depois que ela te ouviu... não sei se ela te reconheceu, mas que ela gostou de sua voz, gostou!

3. Tassyo - kkkkk. Me diverti muito com seu comentário. Na verdade, me divirto muito com seus comentároios. Concordo com tudo que vc falou e já estou me preparando direitinho para a chegada dela...

4. Aline - ô amiga, é uma pena vc não estar aqui pertinho acompanhando tudo pessoalmente, mas sei que vc é uma tia presente. Olhe, discordo de vc quanto À presença masculina no blog, pois para mim, esse título é de Tassyo, pois está comentando diariamente, Rui só se mostra de vez em quando... Coloquei algumas fotos novas no orkut, tente olhar pelo orkut de algum amigo seu...

sábado, 3 de outubro de 2009

Pais instigantes, bebês criativos

Rui, eu e Malu
Antes de iniciar no tema de hoje, gostaria de pedir desculpas por não ter postado ontem. Tive um dia cheio ontem e quando tive tempo, senti umas dores fortes nas costas, ou seja, não me senti confortável.



Vocês sabiam que os bebês respondem a estímulos mesmo quando estão dentro da barriga da mãe?

Essa semana eu comprei uma revista sobre decoração de quarto de bebês, e dentre tantas reportagens havia uma que falava sobre a importância de estimular os bebês (já nascidos) com o intúito de desenvolver sua inteligência, reflexo, percepção, sentidos e principalmente e criatividade. Porém, havia um tópico que falava da importância de estimulá-lo quando ele ainda está no nosso ventre.

Na matéria, o neurocientista aocnselha 3 tipos de estímlos:

1. Conversa - A partir do quinto ou sexto mês de getação, o bebê já consegui ouvir direitinho. Se ele se acostumar com a voz da mãe, será capaz de reconhecê-la aqui fora - esse estímulo traz segurança para o bebê.
Já converso com minha filhinha há um tempão e Rui também. Já ouvi relatos de mães contanto que seus bebês nasceram chorando muito, mas quando os médicos os entregaram a elas, e elas conversaram com eles, imediatamente pararam de chorar. Não é lido?

2. Ouvir Mozart - Como a audição é um dos primeiros sentidos a se desenvolverem, devemos investir nele. Porque Mozart? Segundo pesquisas, algumas melodias compostas por ele estimulam a memória e a atenção.
Já dediquei uma postagem a esse tema. Malu já escuta Mozart e adora. Tem músicas que ela fica quietinha, tem outras que ela se acaba de dançar...

3. Brincar de pega-pega - Esse estímulo eu particularmente adorei. O especialista sugere que você dê suaves apertos na barriga. Se o feto estiver relaxado, começará a se mover, na tentativa de se esquivar de seus dedos - esse é um sinal de criatividade, uma característica inata ao ser humano, que para se desenvolver precisa de desafios apropriados para cada etapa do crescimento da criança.
Comecei a fazer essa brincadeira com ela, e é muito interessante perceber como ela realmente tenta se desviar do "obstáculo". Agora a pouco Rui e eu ficamos impressionados com a inteligencia de nosso bebê. Tão pequenininha, mas tão esperta, rs rs.

Fonte: Revista Casa Cláudia Bebê Edição 2 em 1. Edição1

beijos
...........................................

Comentários dos comentários

1. Aline - Sabia que parece quetodos acham mesmo que a gente manda na ansiedade? S e assim fosse eu jamais escolheria ser ansiosa. Olhe, tenho certeza que você se orgulhará de sua cria, assim como eu vou me orgulhar da minha. Ou seja, sua dissertação ficará tão boa, que você ficará o tempo todo babando por ela. Amiga, seu apelo foi ouvido, Rui finalmente saiu do casulo e resolveu voltar a postar.

2.Monalisa - Não quero te enganar não, viu? Mas dizem que mesmo que a pessoa seja um poço de tranquilidade, quando engravida, fica ansiosa. Talvez você não chegue ao meu estágio, mas certamente, um pouquinho ansiosa você ficará. E ainda bem que seu projeto baby é só para deposi do projeto casamento, rs.

3.Clau - Acho que até o final da gestação vamos passar por várias etapas da ansiedade... Quanto ao chá de fraldas, quem está organizando para mim é minha mãe lá na cidade onde eu morava antes de casar (que é coladinha com Salvador). Eu estava pensando em fazer um aqui também com minhas amigas, mas não tenho certeza. Agora se vc está decidida a fazer, na internet vc encontra idéias legais.Eu até já fiz brincadeiras em chás de cozinha e bebê de várias amigas. Você poderia pedir a alguém para providenciar umas brincadeiras, pois o legal é que sejam supresa até para você.

4. Raquel - Prima, acho que de tanto vc falar, Mallu vai acabar nascendo mesmo no dia de seu aniversário. Se isso realmente acontecer, prometo que a cada festinha que a gente fizer para ela, vamos bater parabéns pra você também e te chamar para partir o bolo com ela... Cadê tassyo?

5.Nêgo - Que bom que você comentou. Acho que todos estavam achando que você era um pai que não participava de nada... Agora que você tocou no assunto, acho que vou fazer um post sobre as músicas que cantamos pra ela, as músicas que alteramos a letra em função dela e as músicas que ouvimos pensando nela. Acho que ela vai ficar bem feliz em saber o quanto ela foi amada e desejada por nós...